Procedimentos para o Batismo

1.    Na secretaria
Acolhida dos pais para a inscrição. Propor as datas de Batismo, preferencialmente após um mês da inscrição, para se poder fazer a preparação de pais e padrinhos e a apresentação à comunidade. Preencher a ficha de inscrição com os dados de acordo com a certidão de nascimento.
Informar aos pais que receberão um telefonema dos catequistas para agendar a preparação e dar futuros encaminhamentos.
A secretaria passa o contato dos pais para os catequistas.

 

2.    Telefonema dos catequistas
O Catequista apresentam-se, por telefone, rapidamente, informa que o Batismo deverá ser preparado com a participação dos pais e preferencialmente com a dos padrinhos. Esta preparação pode ser na casa dos pais ou numa sala da paróquia, de acordo com a opção dos pais. Marcar dia, hora e local.

 

3.    Na casa ou na sala da paróquia
Preparação de acordo com o itinerário proposto na formação.
Agendar a apresentação da criança à comunidade e a data do Batismo

 

4.    Na comunidade- Igreja na Missa: apresentar a criança de acordo com o rito proposto 
 

5.    Na comunidade- Igreja: celebrar o Batismo
 

6.    Na casa dos pais ou em outro local previamente combinado, encontro dos catequistas para entregar a lembrança. 

 

Importante
·    A preparação, a apresentação e o Batismo não podem ser realizados no mesmo dia.
·    Deixar algum tempo para que a família comece a se aproximar da comunidade, introduzida pelo catequista.
·    A preparação e o acompanhamento da família dos batizandos devem ser da forma mais personalizada possível. 
·    A apresentação das crianças a serem batizadas podem ser em grupos maiores, por exemplo, reunindo todos os batizandos do próximo mês.
·    A celebração do Batismo também pode ser coletiva.
·    A entrega da lembrança, com o acompanhamento da família do batizado precisa propor proximidade e acolhida dos catequistas.
·    Cabe ao catequista confirmar na secretaria sobre o Batismo realizado para fins de registro.   

 

Observação
Uma boa sugestão para comunidades que costumam batizar muitas crianças por mês, é inscrevê-las e, no mês seguinte à inscrição, no terceiro final de semana fazer sua apresentação à comunidade e, no quarto final de semana, realizar a celebração do Batismo. 
O ideal, contudo, é multiplicar as celebrações de Batismo, reunindo poucas crianças, para melhor acolher cada família. 

FALE CONOSCO:

         E-mail: ivc@arquipoa.com

APOIO:

© 2015 - 2019 | Site desenvolvido pela Ascom e mantido pela CIAVIC -  Arquidiocese de Porto Alegre